Listagem de Estágios

Instituto de Telecomunicações (IT)

1800. Iniciação à Eletrónica e Comunicações 5G (IEC-5G)


Instituição: Instituto de Telecomunicações (IT)
Responsável: Fernando José da Silva Velez
Nº Alunos: 10
Anos: 10º, 11º, 12º,
Área: Electrónica, Física, Físico-Química, Tecnologia
Data: de 04-07-2022 a 08-07-2022 Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): António Reis Bahram Khan José Pacheco de Carvalho Ivan Pires João Sequeira Érica Pungo Virginie Felizardo Nuno Pombo Hugo Proença Emanuel Teixeira Rui Filipe Rosa Paulo Rui Manuel Costa Pedro Sebastião Rui Barata


Descrição: [DIA 1] INTRODUÇÃO E MEDIÇÕES EM RADIOFREQUÊNCIA EM AMBIENTE URBANO (9h30): Receção aos participantes_ 10:00 Introdução à Eletrónica_ 11:00 Pausa_ 11h20m Introdução às Telecomunicações, seguida de visita aos Laboratórios do Dep.de Física_ 12:30 Almoço_ 14:00 Introdução à montagem de “kits” básicos de Eletrónica (temporizador)_ 15:30 Pausa_ 15:45 Trabalho experimental: medições da potência do sinal recebido em redes móveis 5G_ Introdução às Telecomunicações. Como se dimensiona uma ligação rádio? 16:45 Visita aos Laboratórios do DEM e encerramento do dia_ 19:15 Jantar na cantina de Santo António.
[DIA 2] MONTAGEM DE KITS E RECOLHA DE ENERGIA ELETROMAGNÉTICA DO AMBIENTE (10h00) Introdução à conceção e produção de placas de circuito impresso - montagem de kits_ 11:00 Pausa_ 11:20 Biosinais_ 11:55 Visita aos Laboratórios do Dep. de informática e do IT (incluindo biosinais) 12:30 Almoço_ 14:00 Wearable Technologies & Recolha de Energia Eletromagnética do Ambiente_ 15:30 Pausa_ 15:45 Visita ao Museu dos Lanifícios da Universidade da Beira Interior 17:00 Visita ao Data Center da Covilhã_ 19:15 Jantar na cantina de Santo António.
[DIA 3] DRONES AÉREOS, RECONHECIMENTO DE PADRÕES, E BIOSINAIS
10h00 Introdução aos drones aéreos – conceção e montagem_ 11:00 Pausa_ 11:20 Introdução aos drones aéreos – experiências de comunicação com tecnologia 4G e experiências de campo_ 12:30 Almoço_ 14:00 Introdução à conceção e produção de placas de circuito impresso - montagem de kits_ 15:00 Reconhecimento de padrões (SOCIA Lab)_ 15:45 Pausa_ 16:00 Conceção e produção de placas de circuito impresso - montagem de kits (continuação)_ 16:45 Piscina Praia do Jardim do Lago (a confirmar)_ 19:30 Jantar livre no Serra Shopping.
[DIA 4] WEARABLE TECHNOLOGIES, COMUNICAÇÕES MÓVEIS, APRESENTAÇÃO DOS NÚCLEOS E VISITA À ALTRAN, JANTAR DE DESPEDIDA 9h30 Comunicações móveis 5G (New Radio)_ 10h15 Small Cells, Open RAN and Carrier Aggregation_ 10h30 Pausa Aplicações da Internet das Coisas_ 11:30 Apresentação breve dos núcleos dos alunos_ 12:00 Introdução ao desenho de um circuito impresso 12:30 Almoço_ 13:30 Visita à CAPEGEMI, no Fundão_ 15:45 Pausa_ 16:00 Implementação de comunicações em Software Defined Radio com srsRAN e desafios das redes de próxima geração_ 19:00 Jantar de despedida.
[DIA 5] ICT APLICADA À SAÚDE E CONCLUSÃO DOS KITS 10h15 Rui Costa, ICT na Faculdade de Ciências da Saúde_ 11:00 Pausa_ 11h20 Produção dos circuitos impressos_ 12:30 Almoço_ 14:00 Conclusão dos “kits”, experiências_ 15h30 Conclusão do estágio_ 16:30 Despedida.

Observações: Este estágio aborda os básicos de eletrónica e de telecomunicações móveis e sem fios. Corresponde a 25 horas (3 de manhã e 2 à tarde, durante 5 dias). Permitirá um contacto dos alunos com algumas das aplicações inovadoras da eletrónica e das redes de comunicação, através da imersão no contexto de investigação e desenvolvimento do Instituto de Telecomunicações e realização de visitas e experiências. Incluirá sessões conceptuais, trabalhos de laboratório com montagem de “kits” de eletrónica, técnicas básicas de produção de circuitos impressos, realização experimental de medições de potência recebida, débito binário e outras grandezas relevantes em sistemas móveis 5G. Os estagiários vão ter contato com a montagem de ligações simples ponto-multi-ponto e a verificação experimental do desempenho, assim como com os principais desafios de investigação e tecnológicos para o desenvolvimento das comunicações móveis e sem fios no século XXI (por exemplo, células pequenas terrestres e baseadas em drones aéreos, Open RAN e funcionaidades de “splitting”, processamento espacial e MIMO massivo).

Este estágio disponibiliza alojamento para alunos deslocados

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Laboratório do Instituto de Telecomunicações (sala 8.16), Departamento de Engenharia Eletromecânica, na Faculdade de Engenharia, UBI, Calçada Fonte do Lameiro, 6201-001 Covilhã – o estágio realiza-se no Instituto de Telecomunicações (IT), delegação da Covilhã (uma delegação do IT-Lisboa). Hora: 9:30:00 AM
Pessoa de contacto: Fernando José da Silva Velez

Estágio Esgotado


1651. Introdução aos Biossinais (INBIO-1)


Instituição: Instituto de Telecomunicações (IT)
Responsável: Hugo Plácido da Silva
Nº Alunos: 6
Anos: 10º, 11º, 12º
Área: Ciências da Saúde, Electrónica, Informática, Tecnologia
Data: de 18-07-2022 a 22-07-2022 Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Hugo Plácido da Silva


Descrição: [DIA 1]
09h30-10h00: Introdução ao Curso
10h00-10h30: Apresentação do IST e do DBE
10h30-11h00: Apresentação do IT e do DEEC
11h30-13h00: Introdução aos Bio-sinais. Compreender os principais fenómenos que ocorrem no corpo humano e o papel dos mesmos nas principais funções corporais.
14h30-15h30: Aprender a fazer placas de circuito impresso. Apresentação do processo de fabrico de circuitos impressos. Visita ao laboratório de circuitos impressos do DEEC.
15h30-16h30: Aprender a soldar
16h30-17h30: Apresentação dos “kits” a montar

[DIA 2]
09h30-11h00: Modelação de Sistemas Fisiológicos. Desenvolvimento de organóides a partir de células estaminais pluripotentes induzidas humanas (hiPSCs), uma ferramenta poderosa que pode ser usada para modelar o desenvolvimento de sistemas fisiológicos.
11h30-13h00: Instrumentação e Aquisição de Bio-Sinais. Principais conceitos e ferramentas técnicas, que estão na base dos processos modernos de aquisição de bio-sinais suportada por dispositivos de hardware.
14h30-16h30: Montagem dos “kits”
16h30-17h30: Visita a Spin-off

[DIA 3]
09h30-11h00: Processamento de Sinais em Bioengenharia. Conceitos básicos de sinais, incluindo transformações da variável independente, exponenciais e sinusóides, impulso unitário e suas derivadas e degrau unitário.
11h30-13h00: Princípios de Programação com Arduino. Apresentação do ambiente integrado de desenvolvimento (IDE) do Arduino e a estrutura usada na programação da placa.
14h30-16h00: Montagem dos “kits”
16h00-17h30: Visita ao Museu Faraday do IST

[DIA 4]
09h30-11h00: Inteligência Artificial em Bioengenharia. Introdução a técnicas de aprendizagem automática e exploração de dados, bem como a sua aplicação transversal a problemas e dados da vida real.
11h30-13h00: Fotopletismografia. Descrever os diferentes métodos de medição cardiovascular com base em variações cromáticas medidas à superfície da pele, e como é possível implementar este tipo de técnicas num smartphone.
14h30-16h30: Montagem dos “kits”
16h30-17h30: Visita ao Demonstrador Microwave Medical Imaging (MWI). Apresentação do demonstrador laboratorial de MWI desenvolvido no IT como potencial técnica de imagem complementar ás tecnologias tradicionais de imagiologia médica (que são dispendiosas, requerem grandes infraestruturas e podem representar riscos à saúde).

[DIA 5]
09h30-11h00: Codificação e Análise de Vídeo. Princípios de codificação de imagem e vídeo, explicando os motivos de sucesso da família de normas MPEG, bem como aspectos de análise de imagem e vídeo, ilustrando-se com o caso dos sistemas de reconhecimento biométrico.
11h30-13h00: Energia sem Fios. Princípios de operação de um sistema de transferência de energia por via electromagnética, isto é, sem a existência de qualquer contacto mecânico. Como construir? Noção de isolamento galvânico.
14h30-16h30: Teste dos “kits”
Teste dos “kits” de Arduino e realização de experiências para observar a variação da sua frequência cardíaca em tempo real.
17h00-17h30: Encerramento do Curso

Observações: Este estágio pretende fazer uma introdução aos biossinais, instrumentação biomédica e telecomunicações. Corresponde a 30 horas (3 de manhã e 3 de tarde durante 5 dias). As manhãs são dedicadas a apresentações em grupo, visitas a laboratórios e sessões experimentais. Durante as tardes os estagiários vão dedicar-se a montar “kits” de aquisição de biossinais e experimentar sensores biomédicos em primeira mão. Os estagiários vão ter contacto com as técnicas de fabrico e teste de circuitos impressos, soldar os componentes dos “kits”, fabricar alguns dos componentes a utilizar e testar os circuitos no final. O programa de apresentações em grupo englobará: introdução à engenharia biomédica, fisiologia de sistemas, sinais e sistemas, fundamentos de instrumentação biomédica, inteligência artificial, comunicações em rede e Internet, comunicações móveis, codificação e análise de vídeo, e transmissão de energia sem fios.

Este estágio não disponibiliza alojamento para alunos deslocados

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Átrio da Torre Norte do IST Hora: 9:00:00 AM
Pessoa de contacto: Hugo Plácido da Silva

Estágio Esgotado


1652. Introdução aos Biossinais (INBIO-2)


Instituição: Instituto de Telecomunicações (IT)
Responsável: afred@lx.it.pt
Nº Alunos: 6
Anos: 10º, 11º, 12º
Área: Ciências da Saúde, Electrónica, Informática, Tecnologia
Data: de 18-07-2022 a 22-07-2022 Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Ana Luisa Nobre Fred


Descrição: [DIA 1]
09h30-10h00: Introdução ao Curso
10h00-10h30: Apresentação do IST e do DBE
10h30-11h00: Apresentação do IT e do DEEC
11h30-13h00: Introdução aos Bio-sinais. Compreender os principais fenómenos que ocorrem no corpo humano e o papel dos mesmos nas principais funções corporais.
14h30-15h30: Aprender a fazer placas de circuito impresso. Apresentação do processo de fabrico de circuitos impressos. Visita ao laboratório de circuitos impressos do DEEC.
15h30-16h30: Aprender a soldar
16h30-17h30: Apresentação dos “kits” a montar

[DIA 2]
09h30-11h00: Modelação de Sistemas Fisiológicos. Desenvolvimento de organóides a partir de células estaminais pluripotentes induzidas humanas (hiPSCs), uma ferramenta poderosa que pode ser usada para modelar o desenvolvimento de sistemas fisiológicos.
11h30-13h00: Instrumentação e Aquisição de Bio-Sinais. Principais conceitos e ferramentas técnicas, que estão na base dos processos modernos de aquisição de bio-sinais suportada por dispositivos de hardware.
14h30-16h30: Montagem dos “kits”
16h30-17h30: Visita a Spin-off

[DIA 3]
09h30-11h00: Processamento de Sinais em Bioengenharia. Conceitos básicos de sinais, incluindo transformações da variável independente, exponenciais e sinusóides, impulso unitário e suas derivadas e degrau unitário.
11h30-13h00: Princípios de Programação com Arduino. Apresentação do ambiente integrado de desenvolvimento (IDE) do Arduino e a estrutura usada na programação da placa.
14h30-16h00: Montagem dos “kits”
16h00-17h30: Visita ao Museu Faraday do IST

[DIA 4]
09h30-11h00: Inteligência Artificial em Bioengenharia. Introdução a técnicas de aprendizagem automática e exploração de dados, bem como a sua aplicação transversal a problemas e dados da vida real.
11h30-13h00: Fotopletismografia. Descrever os diferentes métodos de medição cardiovascular com base em variações cromáticas medidas à superfície da pele, e como é possível implementar este tipo de técnicas num smartphone.
14h30-16h30: Montagem dos “kits”
16h30-17h30: Visita ao Demonstrador Microwave Medical Imaging (MWI). Apresentação do demonstrador laboratorial de MWI desenvolvido no IT como potencial técnica de imagem complementar ás tecnologias tradicionais de imagiologia médica (que são dispendiosas, requerem grandes infraestruturas e podem representar riscos à saúde).

[DIA 5]
09h30-11h00: Codificação e Análise de Vídeo. Princípios de codificação de imagem e vídeo, explicando os motivos de sucesso da família de normas MPEG, bem como aspectos de análise de imagem e vídeo, ilustrando-se com o caso dos sistemas de reconhecimento biométrico.
11h30-13h00: Energia sem Fios. Princípios de operação de um sistema de transferência de energia por via electromagnética, isto é, sem a existência de qualquer contacto mecânico. Como construir? Noção de isolamento galvânico.
14h30-16h30: Teste dos “kits”
Teste dos “kits” de Arduino e realização de experiências para observar a variação da sua frequência cardíaca em tempo real.
17h00-17h30: Encerramento do Curso

Observações: Este estágio pretende fazer uma introdução aos biosinais, instrumentação biomédica e telecomunicações. Corresponde a 30 horas (3 de manhã e 3 de tarde durante 5 dias). As manhãs são dedicadas a apresentações em grupo, visitas a laboratórios e sessões experimentais. Durante as tardes os estagiários vão dedicar-se a montar “kits” de aquisição de biossinais e experimentar sensores biomédicos em primeira mão. Os estagiários vão ter contacto com as técnicas de fabrico e teste de circuitos impressos, soldar os componentes dos “kits”, fabricar alguns dos componentes a utilizar e testar os circuitos no final. O programa de apresentações em grupo englobará: introdução à engenharia biomédica, fisiologia de sistemas, sinais e sistemas, fundamentos de instrumentação biomédica, inteligência artificial, comunicações em rede e Internet, comunicações móveis, codificação e análise de vídeo, e transmissão de energia sem fios.

Este estágio não disponibiliza alojamento para alunos deslocados

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Átrio da Torre Norte do IST Hora: 9:00:00 AM
Pessoa de contacto: Hugo Plácido da Silva

Estágio Esgotado


1696. Introdução às Telecomunicações (INTELE)


Instituição: Instituto de Telecomunicações (IT)
Responsável: Custodio Peixeiro
Nº Alunos: 20
Anos: 10º, 11º, 12º
Área: Electrónica, Física, Físico-Química, Tecnologia
Data: de 04-07-2022 a 08-07-2022 Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Ana Fred Arcelina Lopes Beatriz Borges Carlos Brito Carlos Fernandes Carlos Salema Custódio Peixeiro Fernando Nunes João Pires João Vaz José Gouveia José Sanguino Luís Correia Paulo Barata Paulo Correia Tereza Traquinas


Descrição: Este estágio pretende fazer uma introdução às telecomunicações e tem a duração de 30 horas (3 de manhã e 3 à tarde, durante 5 dias). As manhãs são dedicadas a apresentações em grupo, visitas a laboratórios e sessões experimentais. Durante as tardes os estagiários vão montar “kits” de recetores de radiodifusão em FM, visitar o Museu Faraday e entrar numa câmara anecoica. Os estagiários vão ter contacto com as técnicas de fabrico e teste de circuito impresso, soldar os componentes dos “kits” e testar os circuitos no final.

Observações: Campus do Instituto Superior Técnico, Alameda D. Afonso Henriques, Lisboa.

Este estágio não disponibiliza alojamento para alunos deslocados

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Átrio da Torre Norte, Instituto Superior Técnico. Hora: 09:00
Pessoa de contacto: Custodio J O Peixeiro

Inscrição