Listagem de Estágios

Centro de Estudos de Doenças Crónicas da NOVA Medical School (CEDOC), Universidade Nova de Lisboa

522. Doseamento de açúcares totais em batidos adoçados com açúcares de diferentes fontes


Instituição: Centro de Estudos de Doenças Crónicas da NOVA Medical School (CEDOC), Universidade Nova de Lisboa
Responsável: ana.faria@nms.unl.pt
Nº Alunos: 3 Anos: 11º, 12º Área: Biologia, Bioquímica, Ciências da Saúde, Química
Data: de 19-07-2021 a 23-07-2021 Horário:
Investigador(es): Ana Faria


Descrição: _Os hidratos de carbono são a classe de macromoléculas mais abundantes na alimentação humana, e os maiores fornecedores de energia no nosso organismo. A subunidade mais básica desta classe de macromoléculas é o monossacarídeo. A glicose, um monossacarídeo, é o açúcar metabolizado pelas nossas células para a obtenção de energia. É reconhecido que o consumo excessivo de açúcares, nomeadamente, glicose, frutose, sacarose e açúcares mais complexos como o amido, podem levar doença metabólica como a obesidade e a diabetes.
Os mono- e dissacáridos são encontrados naturalmente nos alimentos e têm a capacidade de conferir propriedades adoçantes aos mesmos. Apesar de encontrarmos açúcares em muitas classes de alimentos diferentes (lacticínios, hortofrutícolas, cereais e derivados, etc), a sua unidade básica é semelhante.
Neste trabalho pretende-se executar uma receita de batidos de fruta, adoçados com a mesma quantidade de açúcar de diferentes fontes: mel, açúcar de coco, agave, açúcar de cana. Será feita a prova sensorial dos batidos e será feita a determinação laboratorial, por espectrofotometria, dos açúcares totais presentes no batido._

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Sede da Nova Medical Shcool - Campo dos Mártires da Pátria, nº 130 Hora: 09:30:00
Pessoa de contacto: Ana Faria

Estágio já em curso / terminado

521. Efeito do processamento alimentar no teor em vitamina C de espinafres


Instituição: Centro de Estudos de Doenças Crónicas da NOVA Medical School (CEDOC), Universidade Nova de Lisboa
Responsável: ana.faria@nms.unl.pt
Nº Alunos: 3 Anos: 11º, 12º Área: Biologia, Bioquímica, Ciências da Saúde, Química
Data: de 19-07-2021 a 23-07-2021 Horário:
Investigador(es): Ana Faria


Descrição: O processamento alimentar tem um impacto profundo na qualidade nutricional dos alimentos, podendo este impacto ser benéfico ou prejudicial. Neste estágio propomos submeter espinafres a diferentes processamentos culinários (cozer a vapor, cozer em imersão, esparregado...) e averiguar o impacto deste processamento no teor de vitamina C. O processamento culinário pode modificar o teor nutricional dos alimentos, quer por lixiviação, por oxidação ou por participação em reações químicas. A vitamina C é uma vitamina hidrossolúvel com um papel antioxidante importante nos alimentos, mantendo a sua estabilidade e evitando a sua degradação, bem como no organismo, como antioxidante endógeno. A vitamina C será doseada por um método titulométrico que se baseia na sua capacidade antioxidante.

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Edificio sede Nova medical School - Campo dos Mártires da Pátria, n 130 Hora: 09:30:00
Pessoa de contacto: Ana Faria

Estágio já em curso / terminado

542. Estudo da recuperaçao motora na mosca da fruta, Drosophila melanogaster


Instituição: Centro de Estudos de Doenças Crónicas da NOVA Medical School (CEDOC), Universidade Nova de Lisboa
Responsável: Cesar Mendes
Nº Alunos: 1 Anos: 10º, 11º, 12º, 9º Área: Biologia, Bioquímica, Ciências da Saúde
Data: de 02-08-2021 a 13-08-2021 Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Cesar Mendes


Descrição: _O principal foco de interesse do nosso laboratório prende-se com a compreensão dos mecanismos, genes e circuitos que gerem a locomoção coordenada, sob condições normais ou patológicas. Neste sentido recorremos à mosca da fruta, Drosophila melanogaster, como modelo animal, que dispõe de um vasto leque de ferramentas genéticas, de forma a compreender em maior detalhe o funcionamento dos diferentes circuitos neuronais. Recorremos ainda a ferramentas sofisticadas que nos permitem obter quantificações de parâmetros cinemáticos. Os sistemas motores e os genes que os definem são evolutivamente conservados, contribuindo para a compreensão do controlo motor em organismos mais complexos, estabelecendo a base para o estudo de patologias humanas bem como reabilitação lesão ou doença.
Atualmente estamos a desenvolver um projeto na área da reabilitação motora que visa compreender os genes e mecanismos que governam a recuperação motora. O objetivo é estabelecer a drosophila como modelo genético para neurorehabilitação e recuperação após amputação, o que permitirá a identificação de novos genes e mecanismos de plasticidade motora.
_

Observações: N/A

Este estágio disponibiliza almoços

1º Dia de Estágio

Local de encontro: Rua Câmara Pestana nº 6, 6-A Lisboa Hora: 10:00:00
Pessoa de contacto: Cesar Mendes

Estágio já em curso / terminado