Login

 

Informar e estimular o debate sobre a Nanotecnologia e os impactos que poderá vir a ter no quotidiano foram os objectivos centrais deste projecto. Como irá a Nanotecnologia mudar as nossas vidas?

A nanotecnologia é uma área em rápido desenvolvimento, já existindo produtos no mercado com componentes que envolvem dimensões da ordem de grandeza do nanómetro  (1 milhão de vezes mais pequeno que o milímetro). No entanto, a consciência do seu real potencial económico e social é ainda muito baixa. O diálogo entre investigadores, cidadãos e indústrias sobre as questões sociais e éticas torna-se indispensável para que as decisões sejam verdadeiramente democráticas.

O Projecto NanoDialogue teve duas frentes de acção:

- Comunicar para o público em geral os últimos desenvolvimentos em nanociências e nanotecnologias; e

- Envolver investigadores, sociedade civil e cidadãos num diálogo.

Com este diálogo procurou-se identificar as principais questões e preocupações evidenciadas por estes grupos em relação à nanotecnologia.

A 5 de Fevereiro de 2007 foi realizada uma conferência final no Parlamento Europeu, em Bruxelas, para apresentação dos resultados do debate público nos diferentes países. As conclusões foram incorporadas no documento sobre investigação responsável em nanociências e nanotecnologias, apresentado para consulta pública pela Comissão Europeia em 2007. 

 

Instrumento de financiamento: 7º Programa Quadro - prioridade temática NMP

 

Site Europeu do Projecto

 

Parceiros:

O consórcio, coordenado pela Fundação IDIS-Città della Scienza, era composto por 11 organizações europeias de diferentes campos da investigação científica e da comunicação em ciência responsáveis pela divulgação dos seus resultados:
  • ECSITE-The European Network of Science Centres and Museums, Bélgica
  • Association MQC2, Itália
  • University of Westminster-Centre for the Study on Democracy, Reino Unido
  • Ahhaa Science Centre, Estónia (*)
  • Centre de Culture Scientifique, Technique et Industrielle de Grenoble, França (*)
  • Ciência Viva – Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica, Portugal (*)
  • Deutsches Museum, Alemanha (*)
  • Flanders Technology International Foundation, Bélgica (*)
  • Fondazione IDIS-Città della Scienza, Itália (*)
  • Fundaciò Parc Cientìfic de Barcelona, Espanha (*)
  • Universeum AB, Suécia (*)
(*) Parceiros que, sendo espaços de divulgação científica, exibiram uma cópia da exposição realizada no âmbito do projecto.

 

O Projecto nos Centros Ciência Viva

Exposição Nanodiálogo
Pavilhão do Conhecimento, 25 de Março a 20 de Agosto 2006

Novos materiais e aplicações que estão a ser produzidas em todo o mundo e que  prometem vir a mudar as nossas vidas: fármacos mais eficazes, materiais para próteses toleradas pelo nosso organismo, biosensores para a medicina, monitorização do ambiente, telecomunicações e electrónica.

Site da exposição.

                                   

 

Exposição Nanodiálogo
Fábrica - Centro Ciência Viva de Aveiro, Outubro 2006 a Julho 2007

Site da exposição.

                                          

 

Eventos realizados no Pavilhão do Conhecimento

No âmbito da exposição, foram promovidas conversas com investigadores da área da nanotecnologia:

25 de Março

Poços quânticos como fontes de luz, Sérgio Pereira (CICECO, Universidade de Aveiro)

Os têxteis e a nanotecnologia, José Morgado (CITEVE)

8 de Abril

NanoDiamantes, Rui Silva (CICECO, Universidade de Aveiro)

Biosensores, Paulo Freitas (INESC MN)

22 de Abril

Quantum dots, Tito Trindade (CICECO, Universidade de Aveiro)

Cristais fotónicos, Rui Almeida (ICMS, Instituto Superior Técnico)

Limpar os vidros com a luz, Carlos Bigode (Saint-Gobain)

6 de Maio

Aplicações médicas, Ana Paula Pêgo (INEB)

Macromoléculas, José Gaspar Martinho (CQFM - Instituto Superior Técnico)

Materiais Biomiméticos, João Mano (3B's)

 

13 de Maio

Fulerenos e nanotubos, Mário Nuno Berberan-Santos (Departamento de Química - Instituto Superior Técnico)

20 de Maio

Cristais líquidos, Helena Godinho (CENIMAT, Universidade Nova de Lisboa)

Sensores e luz, Vladimiro Miranda e Pedro Jorge (INESC - Porto)

3 de Junho

Controlo da Qualidade da água, Luísa Fonseca e Verónica Martins (CEBQ - Instituto Superior Técnico)

Nanomateriais, Abílio Almeida, João Pedro Araújo, José Manuel Brochado (IFIMUP)

24 de Junho

Electrónica Transparente, Elvira Fortunato (CENIMAT - Universidade Nova de Lisboa)

Nanoelectrónica, Rodrigo Martins (CENIMAT - Universidade Nova de Lisboa)

 

- Sondagem da percepção e das expectativas do público acerca da Nanotecnologia

O Play Decide é um kit de debate que permite a pequenos grupos discutir questões de políticas públicas, nomeadamente assuntos controversos nas ciências da vida. O kit contém todos os factos necessários para uma discussão informada, após a qual, os participantes tentam encontrar uma política com que todos estejam de acordo, podem escolher uma das políticas sugeridas no kit ou escrever uma nova política que melhor reflicta as posições dos participantes.

 


Projectos Ciência Viva em Nanociências

n&n's - nanociências e nanotecnologias

Ocupação Científica de Jovens nas Férias - Edição de 2006

 

Links úteis

 

Projectos Internacionais | Home