Ciência Viva no Verão 2012

TítuloX: Património geocultural de Vila Verde
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 8 de Setembro - 09:00 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Braga, Universidade do Minho, Entrada Este, 9h
Como Chegar: Em Braga seguir os placards que assinalam a direccção da Universidade do Minho. A Universidade situa-se perto da saída de Braga para Chaves.
Idade Mínima: 8 anos
Coordenadas GPS: 41.56141376447876 N, -8.393924832344055 O Ver no Mapa
Localidade: Vila Verde / VILA VERDE / BRAGA
Como Chegar: Em Braga seguir os placards que assinalam a direccção da Universidade do Minho. A Universidade situa-se perto da saída de Braga para Chaves.
Idade Mínima: 8 anos
Coordenadas GPS: 41.56141376447876 N, -8.393924832344055 O
Ver no Mapa
Itinerário: Braga - Mixões da Serra - Aboim da Nóbrega - Marrancos - Prado - Braga
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Pedro Pimenta Simões
Descrição: A geologia do concelho de Vila Verde apresenta uma relação importante com o meio envolvente, que se expressa no aproveitamento cerâmico de depósitos sedimentares recentes, até à exploração mineira associada a rochas graníticas e metamórficas com mais de 300 milhões de anos ou no destaque do relevo granítico que domina a paisagem e que está associado a aspectos de interesse histórico e de culto religioso.
Nota: Os participantes deverão levar um farnel ligeiro, água, vestuário e calçado adequado.

 
TítuloX: Vestígios de glaciares na Serra do Gerês: Vale do Homem
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 1 de Setembro - 09:00 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Vila do Gerês (junto às termas)
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 10 anos
Coordenadas GPS: 41.72956940191863 N, -8.16158652305603 O Ver no Mapa
Localidade: Parque Nacional da Peneda-Gerês / TERRAS DE BOURO / BRAGA
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 10 anos
Coordenadas GPS: 41.72956940191863 N, -8.16158652305603 O
Ver no Mapa
Itinerário: Vila do Gerês - Portela do Homem - Vale do Homem - Vila do Gerês
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Paulo Pereira
Descrição: Ao longo de um percurso pedestre com cerca de 3 km de extensão serão observados diversos vestígios da existência de glaciares no vale. Serão igualmente destacadas geoformas graníticas a várias escalas.
Nota: Na acção está incluído um percurso pedestre, de média dificuldade, com cerca de 3 km de extensão. Os participantes deverão levar água, vestuário e calçado adequado a um pequeno trilho de montanha (botas de montanha, chapéu, protector solar).

 
TítuloX: Morfologia granítica da Serra do Gerês: Pé de Cabril
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 1 de Setembro - 14:00 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Vila do Gerês (junto às termas)
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 12 anos
Coordenadas GPS: 41.72953737441375 N, -8.16157579421997 O Ver no Mapa
Localidade: Parque Nacional da Peneda-Gerês / TERRAS DE BOURO / BRAGA
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 12 anos
Coordenadas GPS: 41.72953737441375 N, -8.16157579421997 O
Ver no Mapa
Itinerário: Vila do Gerês - Portela de Leonte - Pé de Cabril - Portela de Leonte -Vila do Gerês
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Paulo Pereira
Descrição: Ao longo de um percurso pedestre com cerca de 4 km de extensão serão observados diversos aspectos da morfologia granítica da Serra do Gerês. Trata-se de um percurso de elevada exigência física, que parte da Portela de Leonte em direcção ao Pé de Cabril, uma das geoformas graníticas mais típicas da Serra do Gerês.
Nota: O percurso pedestre a efectuar possui um desnível de 400 metros em cerca de 2 km. Trata-se, por isso, de uma acção de dificuldade elevada, apenas destinada a pessoas com boa preparação física. Os participantes deverão levar água, vestuário e calçado adequado (botas de montanha, chapéu, protector solar).

 
TítuloX: Morfologia granítica da Serra do Gerês: Rocalva
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 28 de Julho - 08:30 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Vila do Gerês (junto às termas)
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 12 anos
Coordenadas GPS: 41.72951335377463 N, -8.16157579421997 O Ver no Mapa
Localidade: Parque Nacional da Peneda-Gerês / TERRAS DE BOURO / BRAGA
Como Chegar: De Braga, seguir na EN 103 (Braga-Chaves). Nas Cerdeirinhas, seguir as indicações em direcção à vila do Gerês.
Idade Mínima: 12 anos
Coordenadas GPS: 41.72951335377463 N, -8.16157579421997 O
Ver no Mapa
Itinerário: Vila do Gerês - Portela de Leonte - Rocalva - Portela de Leonte -Vila do Gerês
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Paulo Pereira
Descrição: Ao longo de um percurso pedestre com cerca de 15 km de extensão serão observados diversos aspectos da morfologia granítica da Serra do Gerês. Trata-se de um percurso de elevada exigência física, que parte da Portela de Leonte para o centro da serra, em direcção à Meda da Rocalva, uma das geoformas mais características do Gerês.
Nota: A acção decorre durante 10 horas, num percurso pedestre com cerca de 15 km de extensão, com desníveis muito acentuados. Trata-se, por isso, de uma acção de dificuldade muito elevada, apenas destinada a pessoas com boa preparação física. Os participantes deverão levar água, farnel, vestuário e calçado adequado (botas de montanha, chapéu, protector solar).

 
TítuloX: Será que há sismos com 300 MA?
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 8 de Setembro - 09:30 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Portaria da Universidade do Minho (Campus de Gualtar, entrada Este) – 09:30 h

Como Chegar: Chegando a Braga, existe sinalização que indica a localização da Universidade do Minho.
Idade Mínima: 15 anos
Coordenadas GPS: 41.56138968107895 N, -8.393737077713013 O Ver no Mapa
Localidade: Vila Nova de Cerveira / V. NOVA DE CERVEIRA / VIANA DO CASTELO
Como Chegar: Chegando a Braga, existe sinalização que indica a localização da Universidade do Minho.
Idade Mínima: 15 anos
Coordenadas GPS: 41.56138968107895 N, -8.393737077713013 O
Ver no Mapa
Itinerário: Braga – Romarigães - Sapardos – Mentrestido - Vila Nova de Cerveira – Braga.
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Jorge Manuel Vieira Pamplona
Descrição: Paragens em afloramentos, desde Ponte de Lima até V. N. de Cerveira, para observação dos aspectos geológicos mais significativos das litologias e estruturas associadas à Zona de Cisalhamento Dúctil Malpica-Lamego.
Observação da paisagem do vale do Rio Minho a partir da linha de cumeada que separa a zona litoral, a jusante de Vila Nova de Cerveira, da zona interior de Valença – Terras de Bouro.
Nota: Os participantes deverão trazer roupa e calçado apropriado para actividades ao ar livre e, ainda, farnel.

 
TítuloX: Água dos Romanos
(Departamento de Ciências da Terra, Universidade do Minho)
Data: 9 de Setembro - 09:30 Avaliar | Inserir Fotos
Ponto de encontro: Entrada principal do Palace Hotel & Spa - Termas de São Vicente, Pinheiro
Como Chegar: Na auto-estrada A4 (Porto - Amarante) sair na saída nº 12 e seguir na EN 106 EM direcção de Entre-os-Rios. Após cerca de 8,5km encontram as Termas de S. Vicente do lado direito.
Idade Mínima: 10 anos
Localidade: Pinheiro / PENAFIEL / PORTO
Como Chegar: Na auto-estrada A4 (Porto - Amarante) sair na saída nº 12 e seguir na EN 106 EM direcção de Entre-os-Rios. Após cerca de 8,5km encontram as Termas de S. Vicente do lado direito.
Idade Mínima: 10 anos
Itinerário: Parque das Termas de S. Vicente, com visita às ruínas do balneário romano e às instalações actuais.
Inscrição prévia: SIM
Responsável pela acção: Jorge Manuel Vieira Pamplona
Descrição: Visita às Termas de S. Vicente realizada num percurso pedestre, durante toda a manhã, compreendendo três componentes: (i) a geológica e hidrogeológica, relacionadas com as condições de ocorrência da emergência termal, (ii) a arqueológica, relacionada com as ruínas do balneário romano, (iii) a termal, relacionada com as actuais instalações das Termas de S. Vicente.
Nota: Os interessados poderão almoçar no Restaurante do Palace Hotel & Spa - Termas de São Vicente. Após a conclusão da actividade, os participantes no Ciência Viva poderão usufruir da Piscina Termal em condições especiais.

 

Página Principal