Ocreza: À descoberta de um refúgio

Ocreza: À descoberta de um refúgio
Centro Ciência Viva de Proença-a-Nova

Castelo Branco

 


 
Descrição

As margens do rio Ocreza abrigam uma grande biodiversidade, como espécies de aves ameaçadas na Europa, como a cegonha preta e o grifo, que nidificam nas margens escarpadas do rio. Neste local, onde o Ocreza separa os distritos de Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão, vamos conhecer uma das zonas envolventes ao rio Ocreza, abordando de uma forma generalizada os seus aspetos geológicos, biológicos (fauna e flora), e explorando a relação do Homem com o Rio, de forma a percebermos a necessidade de preservar este ecossistema ribeirinho. Serão efetuadas diferentes análises à água de forma a avaliar a qualidade da mesma.
Para inscrições contactar o Centro:
e-mail: info@floresta.cienciaviva.pt
Tel.: 274 670 220

Data(s):

13-10-2018 9:00:00

Ponto de encontro: Sobral Fernando, junto à ponte que vem de Foz de Cobrão

Como Chegar: Vindo de Castelo Branco: A23 - CM 1355 em Direcção a Sobral Fernando. Vindo de Proença-a-Nova: N241 - N253 - N351 – M545-1 em Direcção a Sobral Fernando.

Coordenadas GPS: 39.732166694215714 N, -7.765070199929028 O

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Sobral Fernando / PROENÇA-A-NOVA / Castelo Branco

Duração: 5.00 h

Transporte durante a acção: Automóvel próprio

Equipa: Patrícia Silva Cheila da Luz Marta Palhim

Nota: Trazer roupa e calçado adequado, chapéu ou boné, protetor solar, água e merenda para o lanche.

PARTILHE