Aves e Ribeiras: alguns amargos nas águas doces

Aves e Ribeiras: alguns amargos nas águas doces
Centro Ciência Viva de Proença-a-Nova

Castelo Branco

 


 
Descrição

A presença de aves permite caracterizar a importância dos ecossistemas ribeirinhos assim como aferir a seu estado. Numa ribeira, a abundância dos 3 A’s (água, alimentação e abrigo) fundamentais para as aves permite-nos observar uma diversidade de espécies que não encontramos noutros locais mais áridos. Nesta actividade vamos efectuar uma recolha de resíduos ao longo da ribeira de Froia e em simultâneo identificar aves ribeirinhas. Enquanto vamos percebendo o impacto de algumas actividades humanas nas linhas de águas reflectimos também sobre como minimizar estes “amargos” que causamos à vida das aves, através de cuidados que podemos ter no nosso quotidiano.
Para inscrições contactar o Centro:
e-mail: info@floresta.cienciaviva.pt
Tel.: 274 670 220

Data(s):

21-10-2018 9:00:00

Ponto de encontro: Junto à Igreja da Sobreira

Como Chegar: De Lisboa/Porto: A1-A23-IC8-saida 39 e seguir em direcção a Sobreira Formosa
De Castelo Branco: A23-IC8-saida 39 e seguir em direcção a Sobreira Formosa

Coordenadas GPS: 39.77139274271323 N, -7.850385904312134 O

Idade mínima: 8 anos

Localidade: Proença-a-Nova / PROENÇA-A-NOVA / Castelo Branco

Duração: 4.00 h

Transporte durante a acção: Automóvel próprio

Equipa: Edite Fernandes Pedro Morais

Nota: Vestuário fresco, calçado próprio para caminhar, protetor solar, chapéu, água e lanche.
Atividade grátis e inserida num passeio pedestre organizado pelo município, almoço sujeito a pagamento de 10 €

PARTILHE