Ciência Viva no Laboratório - OCJF

Ocupação Científica de Jovens nas Férias 2018


 
 

Listar Estágios Listar Instituições Listar Áreas Geográficas Listar Área Científica



Ver estágios com vagas



Estágios no programa começar cedo


Listagem de Estágios

1. Genes que determinam doenças comuns: doença mental, doença cardiovascular e outras - COMPLETO
Instituição: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge – INSA – Lisboa - Lisboa
Responsável: Astrid Vicente
Nº Alunos: 2      Anos: 10º      Área Ciências da Saúde
Data: de 25-06-2018 a 06-07-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Astrid Moura Vicente
Descrição: O estágio irá proporcionar um primeiro contacto com os conceitos científicos e algumas abordagens e metodologias laboratoriais utilizadas em projetos de investigação que visam a compreensão das bases genéticas de doenças comuns. Permitirá realizar técnicas básicas de Biologia Molecular no laboratório (genotipagem, sequenciação).
Observações: Inclui almoço.

1º dia de estágio
Local de encontro: Na portaria principal do INSA, em Lisboa (Av. Padre Cruz, 1649-016 Lisboa    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Susana Henriques | Catarina Alves
[Estágios nesta instituição]




2. Aplicações da Matemática - COMPLETO
Instituição: Centro de Matemática e Aplicações - FCT - Universidade Nova de Lisboa - Caparica
Responsável: Fátima Rodrigues
Nº Alunos: 6      Anos: 10º/11º/12º      Área Matemática
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Cecília Perdigão , Cláudio Fernandes , Gracinda Rita Guerreiro , Isabel Cabral , Isabel Correia , Maria do Céu Soares , Paula Amaral
Descrição: Neste estágio poderás aplicar várias técnicas matemáticas a problemas do dia a dia, alguns mais práticos e outros mais teóricos. No estágio serás orientado por investigadores de várias áreas da Matemática e abordarás temáticas como a Investigação Operacional, a Criptografia, a Teoria de Grafos e o Actuariado.
Observações: O estágio inclui refeições. As sessões da manhã decorrem das 10h às 12h e as da tarde das 14h às 16h. Todas as sessões decorrem no Campus da FCT NOVA, no Monte da Caparica. No 1º dia do estágio, a recepção é às 9h30, no átrio do edifício VII.

1º dia de estágio
Local de encontro: Átrio de entrada do edifício 7 do Campus da FCT NOVA no Monte da Caparica    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Paulo Doutor
[Estágios nesta instituição]




3. Aprender Citogenética num Laboratório de Diagnóstico
Instituição: Centro Hospitalar de Trás-os Montes e Alto Douro, EPE, Vila Real - Vila Real
Responsável: Rosário Pinto Leite
Nº Alunos: 2      Anos: 11º/12º      Área Ciências da Saúde
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Cada estagiário realiza uma cultura de sangue periférico, faz todo o procedimento técnico até à obtenção de cromossomas (com preparação de reagentes e de todo o material a utilizar). Aprende e executa técnicas de bandagem dos cromossomas. Faz a análise dos cromossomas e montagem de cariogramas, quer em papel quer através de um sistema computadorizado de análise de imagem.
Paralelamente a este trabalho técnico, aprende a estar correctamente no laboratório, ao manuseamento adequado de amostras e equipamento.
Observação das várias aplicações da citogenética no diagnóstico: pré-natal, pós-natal e hemato-oncológico.
Observações: Trazer bata,sapatos de laboratório (socas) e tesoura.
Estágio com possibilidade de oferta de almoço e de alojamento para alguns alunos


1º dia de estágio
Local de encontro: Laboratório de genética, CHTMAD    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Rosário Pinto Leite
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



4. Como transferir genes para plantas à boleia do Agrobacterium tumefaciens
Instituição: Universidade de Trás-os-Montes-e-Alto-Douro, UTAD - Departamento de Genética e Biotecnologia - Vila Real
Responsável: Ana Lúcia Rebocho Lopes Pinto e Sintra
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Biologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Diana Augusto
Descrição: Os jovens terão contacto com algumas técnicas utilizadas na engenharia genética de plantas. Estas envolverão o crescimento de culturas bacterianas, a co-cultura de Agrobacterium tumefaciens com diversos explantes vegetais, a exemplificação da aplicação de métodos de selecção de células geneticamente modificadas e de regeneração de plantas a partir de explantes submetidos a pressão selectiva.
Os jovens terão oportunidade de observar a expressão de genes repórter, resultante da transferência desses genes da bactéria para as células e tecidos vegetais
Observações: 1. Devem trazer vestuário leve, ténis ou similar e bata.
2. Estágio com oferta de almoço na cantina da UTAD
3. Possibilidade de alojamento e jantar nos SAS-UTAD para um estágio.
4. O estágio decorre das 9:30-12:30 h e das 14-17 h.

1º dia de estágio
Local de encontro: Departamento de Genética e Biotecnologia    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Ana Lucia Pinto Sintra
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



5. Os mistérios do património desvendados pela ciência - COMPLETO
Instituição: Laboratório HERCULES - Herança Cultural Estudos e Salvaguarda - Universidade de Évora - Évora
Responsável: Teresa Alexandrada Silva Ferreira
Nº Alunos: 4      Anos: 10º/11º/12º      Área Físico-Química
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Alexandra Ferreira , Ana Manhita , Ana Margarida Cardoso , Ana Teresa Caldeira , Anne France Maurer , António Candeias , Catarina Miguel , Cristina Dias , Cristina Galacho , Dora Teixeira , Ginevra Coradeshi , Jorge Faria , José Mirão , Lúcia Rosado , Luís Dias , Mafalda Costa , Mara Silva , Marina Gonzalez , Massimo Beltrame , Nica Jimenez , Nuno Carriço , Patrícia Branco , Patrícia Moita , Pedro Barrulas , Penka Girginova , Ricardo Vieira , Rosário Martins , Sara Valadas , Sílvia Arantes , Tânia Rosado , Yigit Helvaci
Descrição: O Património Cultural é atualmente considerado um pilar fundamental para o desenvolvimento sustentável das regiões e uma área de estudo interdisciplinar ímpar que permite conciliar as ciências exatas e naturais com as ciências sociais e humanas.
A região Alentejana é detentora de um Património arquitetónico e artístico único no país, sendo a própria cidade de Évora, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade em 1986, um dos seus mais belos exemplos. O estudo do Património nesta e desta região é uma necessidade e uma mais-valia que permite projetar o Alentejo para além das suas fronteiras. E o que acontece quando se estuda o Património com as ferramentas das Ciências? A essa questão responde diariamente o Laboratório HERCULES – Herança Cultural, Estudos e Salvaguarda da Universidade de Évora. Aqui temos o Património sob investigação como se faz no CSI! Além disso, na interação entre a vertente educacional e de investigação, o HERCULES recebe alunos que desejam iniciar trabalhos de investigação científica, permitindo o envolvimento direto desses alunos com a investigação desenvolvida no Laboratório numa abordagem e espírito de equipa, colaboração e interdisciplinaridade que caracterizam as atividades do HERCULES.
Este projeto engloba várias ações concertadas que permitirão aos alunos integrarem equipas de investigação e trabalhos em curso, utilizando equipamentos de ponta para responder às questões levantadas por arqueólogos, historiadores, historiadores da arte, conservadores e museólogos.
O conjunto de ações propostas inclui a Preparação de amostras arqueológicas para análise de resíduos orgânicos, a Histologia e Mineralogia aplicadas à investigação de esqueletos humanos do período romano, o Estudo de dietas antigas, o Estudo material e de diagnóstico de pinturas de cavalete, o Estudo de azulejos antigos, a Caracterização de argamassas antigas, a Análise de livros iluminados, a Biodegradação de bens patrimoniais, a Avaliação de potencial antimicrobiano de óleos em fungos detereogénicos e, na área do digital, trabalhos de Fotogrametria de objetos patrimoniais para a obtenção de modelos tridimensionais, entre outros.
Será feita uma calendarização para cada aluno de modo a que frequente um leque diversificado das ações propostas, tendo ao seu dispor uma vasta lista de equipamentos da unidade residente e da unidade móvel que poderá consultar na página web do Laboratório (http://www.hercules.uevora.pt/).
Mas para saber mais e, sobretudo, fazer…. vem passar uns dias connosco ao HERCULES!

Observações: O estágio decorrerá entre as 10.00h e as 17.30h de 2f (25/06) a 5f (28/06), dado que dia 29/06 é feriado municipal em Évora. Nesta semana decorre a tradicional Feira de São João (http://www.visitevora.net/feira-sao-joao-festa-popular/), na qual o Laboratório HERCULES participará com um conjunto de atividades dirigidas ao público em geral. A participação do HERCULES será no dia 26/06 ou no dia 27/06 e decorrerá entre as 20.00h e as 23.00h. Os alunos participantes neste estágio são convidados a juntarem-se aos investigadores do Laboratório HERCULES nesta experiência de interação com a comunidade.


1º dia de estágio
Local de encontro: Laboratório HERCULES, Palácio do Vimioso, Universidade de Evora    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Prof. Teresa Ferreira
[Estágios nesta instituição]




6. Doença de Alzheimer: à descoberta de respostas no interior das células - COMPLETO
Instituição: Nova Medical School | Faculdade de Ciências Médicas - Lisboa
Responsável: Cláudia Almeida
Nº Alunos: 1      Anos: 10º/11º/12º      Área Ciências da Saúde
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Inês Figueira
Descrição: A Doença de Alzheimer é uma doença neurodegenerativa que representa a maioria dos casos de demência na população com mais de 65 anos. Esta doença é caracterizada pela acumulação de um composto tóxico nos neurónios (beta-amilóide 42), no entanto como ainda não existe tratamento, é muito importante continuar a aprofundar investigação nesta área. Durante este estágio, o aluno terá oportunidade de se envolver nas experiências que têm como objetivo identificar o que acontece nos neurónios ao nível intracelular que pode levar ao desenvolvimento de Alzheimer. Para isso, o estagiário terá oportunidade de trabalhar com culturas celulares de neurónios e praticar técnicas da biologia celular e bioquímica.
Observações: Estágio com oferta de almoço.

1º dia de estágio
Local de encontro: Átrio do Edifício Cinzento do CEDOC. Morada: NOVA Medical School|Faculdade de Ciências Médicas Edifício CEDOC II Rua Câmara Pestana, n.ºs 6, 6-A e 6-B 1150-082 Lisboa    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Inês Figueira
[Estágios nesta instituição]




7. Iniciação à Electrónica e Telecomunicações - IT- UBI/ Covilhã
Instituição: Instituto de Telecomunicações - IT - Lisboa - Lisboa
Responsável: Fernando José da Silva Velez
Nº Alunos: 10      Anos: 10º/11º/12º      Área Electrónica
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): António Reis , Bruno Cruz , Emanuel Teixeira , Hermínio Gil , Hugo Mostardinha , João Neves , Pedro Sebastião , Rooderson Andrade , Rui Barata , Virginie Felizardo
Descrição: Este estágio pretende realizar uma abordagem aos conceitos básicos de eletrónica e de telecomunicações móveis e sem fios, e corresponde a 25 horas (3 de manhã e 2 à tarde). Permitirá um contacto dos alunos com algumas das aplicações inovadoras da eletrónica e das redes de comunicação, através da imersão no contexto de investigação e desenvolvimento do Instituto de Telecomunicações e realização de experiências. Incluirá sessões conceptuais, trabalhos de laboratório com montagem de “kits” de eletrónica, técnicas básicas de produção de circuitos impressos, realização experimental de medições de potência recebida, débito binário e outras grandezas relevantes em sistemas móveis 4G e 5G. Os estagiários vão ter contato com a montagem de ligações simples ponto-a-ponto/ponto-multi-ponto e a verificação experimental do desempenho, assim como com os principais desafios de investigação e tecnológicos para o desenvolvimento das comunicações móveis e sem fios no século XXI (por exemplo, células pequenas terrestres e baseadas em drones aéreos, partilha de espetro, processamento espacial e MIMO).
Observações: O estágio contempla almoços para os alunos, ou na Faculdade de Engenharia ou na cantina de Santo António, e é possível solicitar a reserva de alojamento nas residências da UBI, para os alunos deslocados. Os alunos que necessitem poderão solicitar alojamento para o dia 25 de junho.
Existe a confirmação de apoio à iniciativa por parte de IEEE VTS Portugal Chapter e do ELECTRUBI (Núcleo de Engenharia Electrotécnica e de Computadores).
Está-se a explorar a possibilidade de realização duma visita de estudo a uma empresa de telecomunicações e/ou um pólo do Instituto de Telecomunicações (a confirmar).
Haverá atividades recreativas (desportivas e culturais) na zona da Covilhã em dois dos cinco dias do estágio
O Estágio realiza-se no Instituto de Telecomunicações (IT), delegação da Covilhã (uma delegação do IT-Lisboa).


1º dia de estágio
Local de encontro: Instituto de Telecomunicações, DEM (sala 8.16), Faculdade de Engenharia, Universidade da Beira Interior (UBI), Calçada Fonte do Lameiro, 6201-001 Covilhã    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Prof. Fernando José Velez, fjv@ubi.pt_ fjv@lx.it.pt_ tel. 275329953
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



8. A Matemática é um mundo I - COMPLETO
Instituição: Centro de Matemática e Aplicações - FCT - Universidade Nova de Lisboa - Caparica
Responsável: Paulo Doutor
Nº Alunos: 6      Anos: 10º/11º/12º      Área Matemática
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Gracinda Rita Guerreiro , Marta Faias , Paula Couto , Paula Patrício , Rui Rodrigues , Susana Baptista
Descrição: Neste estágio poderás aplicar várias técnicas matemáticas a problemas do dia a dia, alguns mais práticos e outros mais teóricos. No estágio serás orientado por investigadores de várias áreas da Matemática e abordarás temáticas como a Investigação Operacional, a Inteligência Artificial, a Matemática Financeira, o Actuariado e a aplicação da Matemática à Biologia.
Observações: O estágio inclui refeições. As sessões da manhã decorrem das 10h às 12h e as da tarde das 14h às 16h. Todas as sessões decorrem no Campus da FCT NOVA, no Monte da Caparica. No 1º dia do estágio, a recepção é às 9h30, no átrio do edifício VII.

1º dia de estágio
Local de encontro: Átrio de entrada do edifício 7 do Campus da FCT NOVA no Monte da Caparica    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Paulo Doutor
[Estágios nesta instituição]




9. Instrumentação para a Detecção de Radiação
Instituição: Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas - LIP - Coimbra - Coimbra
Responsável: André Filipe Ventura Cortez
Nº Alunos: 2      Anos: 11º/12º      Área Física
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Neste estágio os alunos serão integrados numa equipa de investigação onde lhes serão apresentados os princípios de funcionamento de diferentes detectores de radiação, nomeadamente câmaras de ionização, contadores proporcionais e contadores de cintilação proporcional em que vão poder colaborar no seu desenvolvimento. Para isso ser-lhes-ão dadas a conhecer diferentes técnicas usadas, princípios de controlo automático de sistemas de instrumentação, técnicas de vácuo e de manuseamento de gases, utilização de software de desenho de detectores e análise de dados obtidos.
Observações: No âmbito deste estágio poderá ser fornecido alojamento e alimentação para os alunos selecionados.

1º dia de estágio
Local de encontro: Entrada do Departamento de Física, Universidade de Coimbra    Hora: 10:30
Pessoa de contacto: André Filipe Ventura Cortez
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



10. Em busca da matemática no mundo das corridas de competição
Instituição: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa - ISEL, Grupo de Investigação em Modelação e Optimização de Sistemas Multifuncionais - Lisboa
Responsável: Alda Carvalho
Nº Alunos: 4      Anos: 10º/11º/12º      Área Matemática
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã
Investigador(es): Inês Barbosa , Ivan Galvão , Ivo Bragança , Maria Amélia Loja
Descrição: O estágio visa sensibilizar alunos do ensino secundário para a importância da matemática nas áreas cientifico tecnológicas, através de actividades experimentais. Este estágio pretende mostrar a ligação da matemática e da engenharia mecânica, tal como ocorre no Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. O estágio terá várias componentes:
i) actividades experimentais (maquinação, ensaios de impacto, prototipagem, etc.) desenvolvidas por alunos de licenciatura em engenharia mecânica (sempre que possível em colaboração com os alunos do ensino secundário)
ii) análise estatística dos dados recolhidos nas experiências
iii) modelação 3D.


1º dia de estágio
Local de encontro: Área Departamental de Engenharia Mecânica - ISEL    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Alda Carvalho
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



11. Porque razão devemos comer fruta? - COMPLETO
Instituição: Centro de Química da Universidade do Porto - Porto
Responsável: FátimaBarroso
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Química
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Ana Carvalho , Manuela Correia , Manuela Moreira
Descrição: Certamente já ouviste dizer que a fruta faz bem à saúde, promove um bem-estar geral nas pessoas e previne doenças. Aprendeste que a fruta é muita rica em água, vitaminas, antioxidantes, fibras e sais minerais.
Alguma vez pensaste em analisar fruta? O que achas de vir para o nosso laboratório (re)descobrir as qualidades nutricionais de alguns frutos? Nesta semana de trabalho poderás analisar os compostos bioativos e comparar a capacidade antioxidante de frutos utilizando, para isso, várias técnicas laboratoriais.

Observações: Horário: 10:00 até às 17:00
Refeições: almoço nas instalações da instituição
Alojamento poderá estar contemplado para alunos deslocados da área de residência a mais de 50 km em hostel, pousadas da juventude ou similares.

1º dia de estágio
Local de encontro: Laboratorio GRAQ-ISEP    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Fátima Barroso
[Estágios nesta instituição]




12. Como aproveitar os subprodutos da indústria das bebidas?
Instituição: Centro de Química da Universidade do Porto - Porto
Responsável: Maria Manuela Barbosa Correia
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Química
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Ana Carvalho , Fátima Barroso , Manuela Moreira
Descrição: Para produzir bebidas (sumos, néctares, refrigerantes) a indústria de bebidas utiliza o sumo do fruto, mas o que é que acontece ao que sobra? Já pensaste que para fazer uma bebida de fruta, são gerados muitos subprodutos, como é o caso da casca, pevides e caroços? Qual será o destino destes subprodutos?
Está descrito que os subprodutos dos frutos contêm muitos compostos que fazem bem à saúde.
Então, não achas que seria boa ideia tentar extrair e conhecer estes compostos?
Por isso, convidamos-te a vir ao laboratório, fazer extração e análise de compostos existentes em subprodutos de frutos utilizando, para isso, várias técnicas laboratoriais.
Observações: Horário: 10:00 – 17:00.
Estágio com oferta de almoço e com eventual possibilidade de alojamento.

1º dia de estágio
Local de encontro: GRAQ/Instituto Superior de Engenharia do Porto, Rua Dr. António Bernardino de Almeida, 431, 4249-015 Porto    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Manuela Correia
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



13. 3DTech Alive (Da digitalização 3D à impressão 3D)
Instituição: Instituto Superior de Engenharia de Lisboa - ISEL, Grupo de Investigação em Modelação e Optimização de Sistemas Multifuncionais - Lisboa
Responsável: Amélia Loja
Nº Alunos: 4      Anos: 10º/11º/12º      Área Tecnologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Tarde
Investigador(es): Eng.ª Ana Mota (BSc) , Prof. Ivo Bragança (PhD) , Prof. João Milho (PhD) , Prof. Ricardo Portal (PhD) , Prof.ª Ana Pinto (MSc)
Descrição: A engenharia inversa é um domínio de elevada relevância no âmbito da engenharias mecânica. Neste contexto, conseguimos que a geometria de objectos já existentes seja recolhida, com recurso a diferentes técnicas, entre as quais se podem incluir a fotogrametria e o varrimento laser 3D. Essas características são de seguida utilizadas para a reconstrução digital do referido objecto, utilizando software vocacionado para o efeito.
Em interligação com este processo e estimulando o processo criativo individual, podemos também criar/alterar geometrias 3D usando software de CAD, para obter novas soluções que poderão ser subsequentemente produzidas.
Com este estágio, pretendemos que os alunos se familiarizem com as diferentes etapas do percurso da engenharia inversa, passando por um processo criativo que pode ir desde o varrimento laser 3D e da recriação computacional de geometrias 3D até à reprodução do objecto numa impressora 3D ou numa máquina de comando numérico.

Observações: O estágio decorrerá entre as 14:00h e as 17:00h.
Será criada uma página de internet para ilustrar as actividades desenvolvidas durante o estágio, cujo endereço será disponibilizado oportunamente.
Os alunos levarão consigo os trabalhos desenvolvidos.


1º dia de estágio
Local de encontro: Átrio principal do ISEL    Hora: 14:00
Pessoa de contacto: Prof.ª Amélia Loja
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



14. À Descoberta dos Espaços da Ciência Viva
Instituição: Centro de Estudos Sociais - CES - Coimbra
Responsável: Maria José Carvalho
Nº Alunos: 6      Anos: 11º/12º      Área Sociologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: O estágio centra-se na tomada de consciência da variedade dos espaços de memória da ciência onde a diversidade do conhecimento é partilhada através das coleções e dos programas.
A Universidade de Coimbra, criada a 1 de março de 1290, Património Mundial da Humanidade, é a universidade mais antiga de Portugal e uma das mais antigas do mundo. Da sua história faz também parte o percurso das bibliotecas académicas e de outros espaços de partilha de conhecimento tais como Centros Ciência Viva, Centros de Investigação, etc.
Segundo a página online da biblioteca da Universidade de Coimbra, “data de 12 de Fevereiro de 1513 o primeiro documento, até hoje conhecido, que certifica a existência da Casa da Livraria da Universidade. Assim se chamava então à biblioteca. […] Nos nossos dias [2018] reparte-se por dois edifícios: a Biblioteca Joanina (terminada em 1728) e a Biblioteca Geral, que entrou em funcionamento em 1962.” Muitos foram os outros espaços de coleções específicas que a seguiram, quer ao nível das diversas faculdades, quer ao nível dos centros de investigação.
Assim sendo, é nossa proposta inspirar os/as participantes a usarem diferentes olhares sobre estes espaços onde se foram/vão criando coleções que permitem a promoção e partilha do conhecimento nas diversas áreas. Propomos uma abordagem dinâmica através de visitas guiadas e orientadas para as temáticas da Ciência Viva.
Tomando a Biblioteca Norte|Sul (CES) como ponto de partida, consideram-se os seguintes objetivos gerais:
a) Desenvolvimento do conhecimento da diversidade de espaços de partilha do conhecimento científico: bibliotecas, museus, exploratórios…
b) Tomada de consciência da importância das coleções e da organização das mesmas nesses diversos espaços.
c) Aquisição de competências ao nível das pesquisas em motores de busca, catálogos e bases de dados para desenvolvimento do conhecimento e da produção científica.
d) Projeto final: “Biblioteca para que te quero”: inspirar a criação de um projeto através do imaginário dos participantes sobre a conceção, organização de um espaço biblioteconómico adaptado às necessidades dos/as jovens pesquisadores/as.

O estágio inclui atividades dirigidas a alunos/as de qualquer área de estudos, integrando debates e realização de trabalho em grupo, sessões de campo e a realização de visitas a uma variedade de espaços de partilha científica, tais como:

Centros de investigação da ciência, especificamente o RÓMULO – Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra: https://www.uc.pt/iii/romuloccv/apresentacao

Bibliotecas e fundos antigos (Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra: http://www.uc.pt/bguc/500anos/Historia_Memoria

Biblioteca Joanina: https://www.uc.pt/informacaopara/visit/paco/biblioteca

Museu da Ciência da Universidade de Coimbra: http://www.museudaciencia.pt/

Jardim Botânico
https://www.uc.pt/jardimbotanico/visitar

Exploratório - Centro Ciência Viva de Coimbra: Seleção Sub30: http://www.exploratorio.pt/ficheiros/oferta-educativa_15-18.pdf.

Observações: Estágio com oferta de almoço e com possibilidade de alojamento para os/as candidatos/as que residam fora de Coimbra.

1º dia de estágio
Local de encontro: Centro de Estudos Sociais - Alta (Largo D. Dinis)    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Maria José Carvalho (967538684). Antonieta Reis Leite (933287806)
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



15. A fascinante vida nas Estações de Tratamento de Esgotos no Laboratório de Microbiologia Ambiental
Instituição: Centro de Engenharia Biológica da Universidade do Minho - Braga
Responsável: Paula Pereira
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Biologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Durante esta semana os jovens investigadores irão analisar as comunidades de microrganismos das Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR). Estes microrganismos são os responsáveis pela remoção da maior parte dos poluentes das águas dos esgotos, em reatores que imitam as ETAR na perfeição. Irão também verificar como certos compostos tóxicos influenciam a eficácia deste tratamento. Assim, amostras para análise dos parâmetros físico-químicos e biológicos serão recolhidas antes de depois da adição dos compostos tóxicos, para analisar o seu impacto e duração, no tratamento. A identificação dos microorganismos será efetuada por microscopia, sendo que a informação ficará registada através da aquisição de imagens.
Observações: Mais especificamente, trata-se de um estágio na área da Bioengenharia e Biotecnologia Ambiental. O horário do estágio será das 9h30 - 17h30.
Estão incluídas refeições na cantina da Universidade e possibilidade de alojamento para alguns candidatos.

1º dia de estágio
Local de encontro: Universidade do Minho, Edifício 7, piso 2     Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Paula Pereira
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



16. Novas armas para combater bactérias - COMPLETO
Instituição: Centro de Engenharia Biológica da Universidade do Minho - Braga
Responsável: Paula Pereira
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Biologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Os jovens investigadores irão focar-se na descoberta de novos bacteriófagos (vírus que apenas infetam bactérias) para combater as bactérias filamentosas que são a de dor de cabeça de qualquer gestor de uma estação de tratamento de águas residuais (ETAR). Quando as bactérias filamentosas têm um crescimento excessivo e descontrolado nas estações de tratamento de águas (ETAR), algo que já aconteceu ou vai acontecer em todas as ETAR de todo o Mundo, resulta num enorme problema operacional que implica graves problemas ambientais. Vamos usar diferentes fontes de amostras de efluentes para descobrirmos e isolamos bacteriófagos com capacidade de infetarem bactérias filamentosas. Assim, utilizando bacteriófagos inovadores, poderemos dar um passo importante para melhorar consideravelmente o tratamento das águas residuais.
Observações: Mais especificamente, trata-se de um estágio na área da Bioengenharia e Biotecnologia Ambiental. O horário do estágio será das 9h30 - 17h30. Estão incluídas refeições na cantina da Universidade e possibilidade de alojamento para alguns candidatos.

1º dia de estágio
Local de encontro: Universidade do Minho, Edifício 7, piso 2    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Paula Pereira
[Estágios nesta instituição]




17. O computador como laboratório
Instituição: Universidade de Trás-os-Montes-e-Alto-Douro, UTAD - Departamento de Física - Vila Real
Responsável: Marco Duarte Naia
Nº Alunos: 2      Anos: 10º/11º/12º      Área Tecnologia
Data: de 25-06-2018 a 29-06-2018      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: O trabalho de estágio tem como principal objetivo elucidar os estudantes acerca da construção de modelos experimentais em Física.
As atividades dos alunos consistirão no seguinte:
a) montagem e realização de uma experiência em ambiente laboratorial.
b) desenvolvimento de um modelo experimental para a lei física testada com base nas medições feitas pelos alunos.
c) comparação do modelo experimental obtido com modelos teóricos propostos na literatura.
d) estudo, em ambiente computacional, da aplicabilidade do modelo obtido.
e) interação com um programa de simulação desenvolvido pelo coordenador de estágio, para extrapolação de resultados impossíveis de obter experimentalmente nas condições laboratoriais disponíveis.

Observações: Estágio com oferta de almoço | com possibilidade de alojamento para alguns candidatos (jantar incluído).

1º dia de estágio
Local de encontro: Laboratório F3.8 - Departamento de Física    Hora: 09:00
Pessoa de contacto: Marco Duarte Naia
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



18. Otimização do protocolo de crescimentos de larvas de peixe-zebra - COMPLETO
Instituição: Nova Medical School | Faculdade de Ciências Médicas - Lisboa
Responsável: Petra Pintado
Nº Alunos: 1      Anos: 10º/11º/12º      Área Biologia
Data: de 25-06-2018 a 06-07-2018      Horário: Manhã
Descrição: Os peixe-zebra são um modelo animal utilizado em investigação biomédica. São pequenos peixes de água doce com capacidade regenerativa e um excelente modelo de estudo em desenvolvimento embrionário. Um dos grandes desafios é garantir o seu bem estar e saúde e nesse sentido é necessária uma otimização constante de protocolos de “husbandry”. Neste pequeno projeto pretende-se que o aluno otimize um novo alimento para larvas de peixe zebra, contribuindo assim para uma melhor manutenção da colonia. O aluno terá ainda oportunidade de interagir e conhecer outros projetos de investigação em que se utiliza peixe-zebra como modelo de investigação.
Observações: O estágio realiza-se num ambiente tendencialmente molhado. Não é permitida o uso de sandálias ou sapatos abertos. A roupa deve ser confortável e prática. Por vezes há manuseamento de lixívia e não nos responsabilizamos por roupa danificada. O estágio contém almoço.

1º dia de estágio
Local de encontro: Átrio do Edificio Cinzento do CEDOC. Morada: NOVA Medical School|Faculdade de Ciências Médicas Edifício CEDOC II Rua Câmara Pestana, n.ºs 6, 6-A e 6-B 1150-082 Lisboa    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Petra Pintado
[Estágios nesta instituição]




19. Laboratório de virologia - do desenho à prática - COMPLETO
Instituição: Nova Medical School | Faculdade de Ciências Médicas - Lisboa
Responsável: Maria Jesus Chasqueira
Nº Alunos: 2      Anos: 11º/12º      Área Biologia
Data: de 02-07-2018 a 06-07-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Augusta Marques , Lúcia Rodrigues
Descrição: Proporcionar o contato com alguns procedimentos utilizados no laboratório de virologia para o diagnóstico clínico e na investigação científica. Inicialmente, os participantes familiarizar-se-ão com os aspectos de segurança no laboratório de virologia: desenho do laboratório, circuitos de trabalho, equipamento necessário, boas práticas. Na vertente das culturas de células, executarão a preparação de meios de cultura (utilização de balanças analíticas, autoclave, sistemas de filtração, bomba de vácuo, aparelho de pH, camaras de segurança biológica). Terão contato com culturas de células, com os procedimentos para a sua conservação, e com algumas das técnicas utilizadas na visualização dos resultados. Na biologia molecular efetuarão a extracção do ADN ou do ARN de amostras. Efectuarão a análise qualitativa através de nested-PCR e visualização do resultado através de electroforese em gel de agarose. Nas amostras positivas, efetuarão a determinação da carga viral por PCR em tempo real (preparação de curvas padrão).

Observações: Obrigatório a utilização de bata (caso não tenham podemos dispensar uma). Os alunos poderão trazer o próprio portátil, mas não é obrigatório. Almoço incluído. Horário do estágio: 10h00 - 16h00


1º dia de estágio
Local de encontro: Atrío do Edíficio Sede da NOVA Medical School. Morada: NOVA Medical School|Faculdade de Ciências Médicas Campo Mártires da Pátria, 130 1169-056 Lisboa    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Augusta Marques
[Estágios nesta instituição]




20. Infeção bacteriana: da suspeita à confirmação - COMPLETO
Instituição: Nova Medical School | Faculdade de Ciências Médicas - Lisboa
Responsável: Maria Jesus Chasqueira
Nº Alunos: 2      Anos: 11º/12º      Área Biologia
Data: de 02-07-2018 a 06-07-2018      Horário: Manhã + Tarde
Investigador(es): Augusta Marques , Lúcia Rodrigues
Descrição: Proporcionar o contato com alguns procedimentos utilizados no laboratório de microbiologia para o diagnóstico clínico e na investigação científica.
Inicialmente, os participantes familiarizar-se-ão com os aspectos de segurança no laboratório de microbiologia. Na vertente das culturas, executarão a preparação de meios de cultura (utilização de balanças analíticas, autoclave, câmaras de segurança biológica). Terão contato com culturas bacterianas em meios sólidos e com os procedimentos para a sua conservação. Identificarão morfológica e bioquimicamente os diferentes agentes bacteriológicos causadores das 2 patologias mais frequentes na nossa população, infeção urinária e amigdalites bacterianas e realizarão os respetivos testes de sensibilidade aos antibióticos.
Observações: Obrigatório a utilização de bata (caso não tenham podemos dispensar uma). Os alunos poderão trazer o próprio portátil, mas não é obrigatório. Almoço incluído.

1º dia de estágio
Local de encontro: Atrío do Edíficio Sede da NOVA Medical School. Morada: NOVA Medical School|Faculdade de Ciências Médicas Campo Mártires da Pátria, 130 1169-056 Lisboa    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Augusta Marques
[Estágios nesta instituição]





Mais >> 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17