Ciência Viva no Laboratório - OCJF

Ocupação Científica de Jovens nas Férias 2016


 
 

Listar Estágios Listar Instituições Listar Áreas Geográficas Listar Área Científica



Ver estágios com vagas

Listagem por Área Científica

1. O drama dos refugiados na Europa - COMPLETO
Instituição: Centro de Estudos Sociais - CES - Coimbra
Responsável: Claudia Pato Carvalho
Nº Alunos: 6      Anos: 10º/11º/12º      Área Sociologia
Data: de 27-06-2016 a 01-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Este estágio de cinco dias visa implicar os estudantes numa reflexão dinâmica sobre o drama atual dos refugiados na Europa.
Serão oferecidos seminários teórico-práticos pelos membros da equipa nas manhãs de segunda a quinta-feira dessa semana, seguidos de atividades práticas na parte da tarde.
Carlos Nolasco fará um enquadramento geral da “crise dos refugiados” fornecendo dados atualizados sobre fluxos, origens, causas, trajetórias, situando igualmente a questão atual na história mais longa do continente europeu.
Clara Keating e Olga Solovova farão um seminário sobre análise dos discursos sobre a crise e o drama dos refugiados, dinamizando uma sessão da tarde em torno de fotos dos campos, margens, fronteiras e deportação de refugiados vindas a público nos últimos meses. Serão apresentados textos (para aí identificar representações dos refugiados) e suportes visuais: reportagens, fotos, filmes de ficção e documentários – identificar meios de representação e de construção das várias metáforas na identidade de refugiado. Relaciona-se com o método das paisagens semióticas. Retrato linguístico – uma articulação emocional entre as línguas e o corpo_ vídeos de eventos – identificar os eventos cruciais para o acolhimento dos refugiados, por exemplo, a entrevista de asilo (comportamentos, posicionamentos, etc.)_ Fotografias – explorar aquelas coisas menos óbvias mas que são fundamentais para a sobrevivência dos refugiados, ex. o uso de telemóveis, lugares de acolhimento, mediadores e lugares de mediação, etc., através da exploração de paisagens linguísticas.
Elsa Lechner acompanhará todas as atividades ao longo da semana, dando uma aula sobre pesquisa biográfica nos estudos migratórios e dinamizando uma sessão da tarde sobre histórias e relatos de voluntários nos campos de refugiados da Macedónia e Grécia (Idomeni).
Na sexta-feira, será feito um balanço do estágio com apresentações dos participantes.

Observações: O estágio contempla refeições para todos os alunos e alojamento para os alunos de fora

1º dia de estágio
Local de encontro: Centro de Estudos Sociais    Hora: 10:30
Pessoa de contacto: Claudia Pato Carvalho e Tiago Pires Marques
[Estágios nesta instituição]




2. Só às paredes confesso: a Universidade de Coimbra enquanto Património mundial da Humanidade e lugar de contestação - COMPLETO
Instituição: Centro de Estudos Sociais - CES - Coimbra
Responsável: Claudia Pato Carvalho
Nº Alunos: 6      Anos: 10º/11º/12º      Área Sociologia
Data: de 27-06-2016 a 01-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Podem a sociologia, a sociolinguística e a arquitetura unir esforços para estudar as inscrições que vão sendo deixadas nas paredes da Universidade de Coimbra (UC)?
Sim, podem!
Esta proposta de estágio concilia uma análise realizada a partir de múltiplos olhares sobre as inscrições deixadas nas paredes/murais em torno da UC: junta a abordagem sociológica dos movimentos sociais e da ação pelo protesto, a noção de paisagem semiótica da sociolinguística à reflexão sobre o impacto destas ações na valorização e salvaguarda do património arquitetónico.
A Universidade de Coimbra conta hoje com 726 anos de existência e integra, desde 2013, a lista de bens Património Mundial da Humanidade. Da sua história também faz parte uma tradição de contestação estudantil que não pode ser ignorada. Quem circula na Alta logo se apercebe que este é um lugar privilegiado para deixar inscrições nas paredes, palavras de ordem, claras reivindicações de certos movimentos sociais ou simples manifestações individuais sentimentais, umas mais “cómicas”, outras mais “trágicas”. Desta forma, e apesar do seu valor patrimonial, a zona da UC também se apresenta como lugar de desafios e de conflitos para quem o cruza.
Este estágio convida alunos/as do 10º, 11º e 12º ano a circular pelas imediações da UC, encarando-o como um espaço de valor patrimonial, mas também onde vozes de contestação nos interpelam, conferindo uma dinâmica de constante transformação visual a esse lugar. No plano de trabalhos a desenvolver, privilegiar-se-á o método do walking tour para recolha fotográfica de inscrições manuscritas e/ou em stencil e posterior interpretação, tentando analisar o teor das mensagens deixadas, sua autoria, potencial público-alvo e a sua relação com a localização. Será ainda avaliada a perceção daqueles que cruzam este lugar, designadamente: a) o impacto que as inscrições têm junto dos transeuntes (estudantes, residentes, turistas), assim como_ b) o impacto na valorização e preservação do património arquitetónico.

Atividades a desenvolver:
• Recolha de imagens sobre inscrições deixadas no espaço da Alta-UC
• Análise das inscrições a partir de três perspetivas centrais: valor da mensagem transmitida, valor semiótico e o seu impacto patrimonial
• Aplicação, tratamento e análise de um breve questionário sobre a perceção dos transeuntes deste espaço em relação às inscrições deixadas nas paredes
• Organização de uma exposição fotográfica

Observações: Este estágio contempla refeições par todos os alunos e alojamento para alunos de fora

1º dia de estágio
Local de encontro: Centro de Estudos Sociais    Hora: 10:30
Pessoa de contacto: Claudia Pato Carvalho e Tiago Pires Marques
[Estágios nesta instituição]




3. Roadshow da Sociologia, Ciência e Profissão na Intervenção Social
Instituição: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais - CICS.NOVA - Lisboa
Responsável: Carlos Alberto Silva
Nº Alunos: 8      Anos: 10º/11º/12º      Área Sociologia
Data: de 11-07-2016 a 22-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Propomos que o estágio incida sobre o contato com a importância e o papel que a Sociologia pode assumir, conjuntamente com outras ciências, na concetualização, diagnóstico e explicitação de problemáticas sociais contemporâneas, designadamente através dum olhar aplicado num roadshow da sociologia em torno dos seguintes tópicos:
1. O indivíduo e o coletivo: fenómenos de grupo, rede social, intervenção social
2. Considerações metodológicas sobre a observação e a análise dos factos sociais
3. Sociologia, ciência e profissão
Observações: Atividade dirigida a alunos de qualquer área de estudos.
__
Os trabalhos irão realizar-se no espaço do CICS.NOVA.Évora.
O estágio contempla visitas de estudo em 7 concelhos do Alentejo.
__
O estágio contempla refeições (na cantina da Universidade de Évora).

1º dia de estágio
Local de encontro: Departamento de Sociologia da Escola de Ciências Sociais, Gabinete 274 Colégio Espírito Santo da Universidade de Évora, Largo dos Colegiais, nº 2, 7002-554 Évora.    Hora: 09:00
Pessoa de contacto: Carlos Alberto Silva
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



4. O debate público sobre os exames no Ensino Básico: onde se situam as divergências?
Instituição: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais - CICS.NOVA - Lisboa
Responsável: Susana Batista
Nº Alunos: 3      Anos: 11º/12º      Área Sociologia
Data: de 18-07-2016 a 22-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: O sistema de avaliação dos alunos no final de cada ciclo do Ensino Básico tem sofrido várias alterações na última década. Durante o último ano letivo, foram eliminadas as provas finais dos 1º e 2º ciclos, reacendendo o debate público em torno do tema. Neste estágio, pretende-se identificar e analisar os argumentos mobilizados nesse debate.
Observações: O estágio contempla refeições para todos os alunos, bem como alojamento e deslocações para alunos deslocados da sua área de residência.

1º dia de estágio
Local de encontro: CICS.NOVA    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Helena Serra, Ana Filipa Nicolau
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado



5. Explorar o quotidiano da cidade a partir da perspectiva sociológica - COMPLETO
Instituição: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais - CICS.NOVA - Lisboa
Responsável: Patrícia Pereira
Nº Alunos: 4      Anos: 11º/12º      Área Sociologia
Data: de 18-07-2016 a 22-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: Dados da ONU revelaram que 54% população mundial vive em cidades (2014) e que essa percentagem continuará a crescer. Neste contexto, torna-se cada vez mais importante conhecer as dinâmicas urbanas e os quotidianos das populações. Neste estágio vamos treinar a imaginação sociológica e explorar o quotidiano de uma zona de Lisboa (junto ao Cais do Sodré) através da pesquisa de terreno, uma metodologia com validade científica que incluí observação e realização de entrevistas formais e informais.

Começaremos com uma breve introdução à metodologia da pesquisa de terreno e à área em estudo, aos quais se seguirão a exploração do local. Com o auxílio de uma grelha de observação construída em conjunto, os participantes irão recolher e registar, em vários suportes, informação sobre o espaço e as pessoas. Terminaremos com uma análise dos dados recolhidos e um debate em torno das questões empíricas e metodológicas suscitadas.
Observações: O estágio contempla refeições para todos os alunos, bem como alojamento e deslocações para alunos deslocados da sua área de residência.

1º dia de estágio
Local de encontro: CICS.NOVA - Av. de Berna, 26 C 1069-061 LISBOA - Portugal    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Ana Filipa Nicolau e Patrícia Pereira
[Estágios nesta instituição]




6. Alterações climáticas e sociedade - COMPLETO
Instituição: Instituto de Ciências Sociais - ICS - Lisboa
Responsável: Ana Delicado
Nº Alunos: 5      Anos: 10º/11º/12º      Área Sociologia
Data: de 18-07-2016 a 22-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: As alterações climáticas são possivelmente o desafio mais urgente com que as sociedades contemporâneas se defrontam. Já não havendo dúvidas que o clima da Terra está a mudar, resta saber se podemos ainda desacelerar este processo ou como nos podemos adaptar a estas mudanças. Neste estágio os alunos vão fazer uma investigação científica em torno das dinâmicas sociais das alterações climáticas. Usando as ferramentas das ciências sociais (entrevistas, inquéritos, grupos de foco, análise de imprensa, etc.), vão procurar respostas a algumas questões. Sabem os portugueses o que são as alterações climáticas? O que estão dispostos a fazer para diminuir as emissões de gases com efeito de estufa? Que medidas de adaptação acham que devem ser adotadas pelos decisores políticos?
Observações: O estágio inclui refeições.

1º dia de estágio
Local de encontro: Instituto de Ciências Sociais    Hora: 09:30
Pessoa de contacto: Ana Patrícia Rodrigues
[Estágios nesta instituição]




7. Os consumos de álcool e outras substâncias na população portuguesa
Instituição: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais - CICS.NOVA - Lisboa
Responsável: Cláudia Urbano
Nº Alunos: 3      Anos: 11º/12º      Área Sociologia
Data: de 18-07-2016 a 22-07-2016      Horário: Manhã + Tarde
Descrição: A temática dos consumos de álcool e outras substâncias pela população portuguesa é bastante atual. Através dela, conseguimos perceber comportamentos e hábitos dos portugueses em relação ao álcool e a outras substâncias, e também encontrar indicadores que servem para orientar políticas públicas de saúde.
Observações: O estágio contempla refeições para todos os alunos, bem como alojamento e deslocações para alunos deslocados da sua área de residência.

1º dia de estágio
Local de encontro: CICS.NOVA    Hora: 10:00
Pessoa de contacto: Dra Ana Filipa Nicolau, Prof. Helena Serra
[Estágios nesta instituição]

Estágio já em curso / terminado