Laboratórios Abertos

Semana Internacional do Cérebro

Os Neurocientistas vão à Escola


Durante a Semana do Cérebro, investigadores da Sociedade Portuguesa de Neurociências (SPN) realizam actividades dirigidas a escolas de todos os níveis de ensino.

Para receber um neurocientista na sua escola, deve inscrever-se através desta página. Após inscrição, a equipa da SPN contacta a escola para acertar os detalhes da visita e o programa de actividades.

Nota: as inscrições terminam quando a disponibilidade de assegurar sessões for esgotada.

Centro de Investigação em Ciências da Saúde, Universidade da Beira Interior

Os Neurocientistas Vão à Escola
Covilhã e Guarda
Data: 11 a 17 Março 2013. Horário a acertar com a Escola
Público Alvo: Ensino Básico (1º, 2º, 3º CEB), Ensino Secundário

Investigador responsável: Graça Baltazar

Os investigadores do Centro de Investigação em Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior (CICS-UBI) irão visitar as escolas da região, desde o 1º Ciclo do Ensino Básico ao Ensino Secundário. Tendo em conta o nível de ensino, iremos realizar actividades lúdicas e palestras que ajudem os alunos a compreender melhor a estrutura e funcionamento do cérebro, bem como alertar para a importância dos estilos de vida na saúde cerebral.


Inscrição >>

 

Centro de Neurociências e Biologia Celular, Universidade de Coimbra

Os Neurocientistas Vão à Escola
Região Centro do país
Data: 11 a 15 Março 2013. Horários a acertar com as escolas.
Público Alvo: Ensino Básico (1º, 2º, 3º CEB), Ensino Secundário, Universidades Sénior

Investigador responsável: Teresa Girão, Sara Amaral, Rita Neves

Palestras, workshops e actividades “mãos na massa”.
Tendo em conta o nível de ensino, os nossos investigadores irão realizar atividades lúdicas ou palestras que ajudem os alunos a compreender melhor a estrutura e funcionamento do cérebro, alertar para a importância da saúde cerebral, bem como a explorar os mais recentes avanços na investigação em neurociências. Será dado particular destaque ao modo como o cérebro nos permite ter momentos de criatividade, e como a capacidade de pensar com criatividade desempenha um papel importante em praticamente todas as áreas da nossa vida, para produzir novas ideias e pensar com flexibilidade.

Alguns temas a abordar:
- O cérebro criativo – doenças mentais e expressão artística
- Envelhecimento e doenças neurodegenerativas
- O cérebro e as drogas de abuso
- Sono e aprendizagem


Acção Esgotada

 

Departamento de Biologia Experimental, Faculdade de Medicina, Universidade do Porto

Como funciona o cérebro?
Porto
Data: A definir com as escolas
Público Alvo: Alunos dos 4 aos 18 anos

Investigador responsável: Isaura Tavares

Dependendo do público-alvo iremos analisar vários aspetos do funcionamento normal e anómalo do cérebro (demências, drogas, álcool).
As atividades hand-on consistirão na análise ao microscópio de cérebros e observação de neurónios.


Inscrição >>

 

Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa

Explorando o Cérebro
Lisboa
Data: 12 Março (tarde) ou 14 Março,
Público Alvo: Alunos do 11º e 12º anos

Investigador responsável: Rui Silva

Apresentação da estrutura e organização do sistema nervoso, divisões e inter-relações, composição celular, bem como o modo geral de funcionamento dos neurónios que está na base da comunicação das células nervosas e na perceção dos estímulos sensoriais.

Nota: duração aproximada de 60 minutos.

Inscrição >>

Porque morrem os neurónios?
Lisboa
Data: 11 a 15 de Março
Público Alvo: Alunos do 9º ao 12º anos

Investigador responsável: Margarida Castro Caldas

Abordaremos a organização estrutural e funcional macro-anatómica do cérebro humano, as células do cérebro e sobre a sua forma de comunicação. Falaremos das possíveis causas de morte dos neurónios, no contexto de doenças neurodegenerativas (doenças de Parkinson e Alzheirmer) e neurológicas (acidente vascular cerebral, trauma, envelhecimento), focando os mecanismos celulares e moleculares envolvidos no programa de morte, bem como de possíveis estratégias terapêuticas utilizadas ou em fase de estudo. Abordaremos também aspetos relacionados com o modo como drogas (licítas ou ilícitas) afetam a comunicação entre as células nervosas e, em particular, focaremos o modo como o nosso organismo se torna dependente do uso de determinadas drogas.

Acção Esgotada

 

Fundação Champalimaud, Lisboa

Cérebro meu, cérebro meu, quem é mais complexo do que eu?
Lisboa
Data: 12 e 13 de Março (horário a definir com a escola)
Público Alvo: Alunos do 5º ao 12º anos

Investigador responsável: Ana Rita Fonseca e Susana Lima

Seminário interactivo sobre o que sabemos acerca do cérebro.
Elucidação sobre o dia-a-dia de um neurocientista.

Actividade assegurada por investigadoras do Programa de Neurociências da Fundação Champalimaud.


Acção Esgotada

 

Instituto de Medicina Molecular, Lisboa

Os Cérebros estão à solta
Lisboa
Data: 11 a 17 Março 2013. Horários a combinar com a Escola
Público Alvo: Alunos do 10º ao 12º anos

Investigador responsável: Luísa Lopes

Palestras de 45 a 60 minutos sobre temas como:
- Drogas e Cérebro
- O Cérebro na Adolescência
- Como Estudar o Cérebro
- Doenças Mentais


Acção Esgotada

 

Laboratório associado ICVS/3Bs, Universidade do Minho

Os Neurocientistas Vão à Escola
Região Norte do país
Data: 11 a 14 de Março de 2013
Público Alvo: Alunos do 1º ao 12º ano

Investigador responsável: Ana João Rodrigues, Fernanda Marques

Seminário interactivo com temas diversos na área das Neurociências.

Acção Esgotada