Comunicados de Imprensa

[ Imprimir ] [ Listar Comunicados ]
20-11-1998
FESTIVAL DO FILME CIENTÍFICO
Lisboa

Ann Druyan e Mariano Gago entregam prémios do Festival do Filme Científico

Domingo, 22 de Novembro, 18 horas Centro Cultural da Malaposta, Olival Basto (ao fundo da Calçada de Carriche)

Ann Druyan, víuva de Carl Sagan e o ministro Mariano Gago entregam, domingo, 22 de Novembro, pelas 18 horas, no Centro Cultural da Malaposta (Olival Basto) os prémios do Primeiro Festival do Filme Científico, integrado nos Encontros Internacionais de Cinema Documental da Amascultura.

O Festival do Filme Científico é uma iniciativa do Programa Ciência Viva, do Ministério da Ciência e da Tecnologia, numa organização da Amascultura.

Ann Druyan encontra-se em Portugal, a convite do Ministério da Ciência e da Tecnologia e da Gradiva, participando, dia 24 de Novembro, no Dia Nacional da Cultura Científica.

Produtora de Televisão, Ann Druyan foi co-autora da série "Cosmos", com Carl Sagan. Foi a designer da mensagem incluída nas missões Voyager, da NASA (onde as figuras de um homem e de uma mulher acompanhavam o diagrama da localização do planeta Terra, para que eventuais extra-terrestres nos pudessem contactar). É igualmente co-autora, com Carl Sagan, do livro "Sombras dos Nossos Antepassados Esquecidos" e foi co-produtora e co-criadora do famoso filme "Contacto", baseado no livro do mesmo nome de Sagan.

Ann Druyan foi eleita, em 1988, secretária da Federação dos Cientistas Americanos (FAS). A FAS - conhecida como "A Consciência da Ciência Americana" - foi fundada em 1945 pelos cientistas que inventaram a bomba atómica, tornando-se no primeiro grupo organizado que tinha como objectivo alertar contra o perigo da má utilização da ciência e da tecnologia.

Actualmente, Ann Druyan trabalha no projecto de filme Imax a 3D, intitulado Comet e em mais dois títulos de séries televisivas - The Worlds of Carl Sagan e Collision Course: The Quest for Truth..