Comunicados de Imprensa

[ Imprimir ] [ Listar Comunicados ]
22-02-2016
Melhoramento Cognitivo em discussão no Pavilhão do Conhecimento
Pavilhão do Conhecimento

É já na próxima quinta-feira, dia 25 de Fevereiro, às 19.30, que o tema do Melhoramento Cognitivo estará em discussão no Pavilhão do Conhecimento. São oradores convidados Albino Jorge Oliveira-Maia (Fundação Champalimaud), Alexander Gerner (Universidade de Lisboa) e Teresa Summavielle (i3S-IBMC e projecto NERRI). O debate será moderado pelo jornalista Vasco Trigo.

Psicofármacos, implantes neuronais e interfaces cérebro-máquina apresentam-se como formas de melhoramento cognitivo e prometem desenvolver a memória, a atenção, a resistência ou competências sociais. Mas será este melhoramento real e duradouro? A quem se pode aplicar e quem poderá decidir sobre a sua aplicação? Que riscos físicos e psicológicos envolve e que implicações sociais terá? Estes temas têm sido debatidos em 11 países europeus no projecto NERRI, coordenado pela Ciência Viva em colaboração com o i3S-IBMC.

Antes do debate, o público poderá assistir à performance #EnhancingTheMindsI, de Maria Manuela Lopes, artista residente no i3S-IBMC, que irá escrever e desenhar enquanto usa um dispositivo de neurofeedback numa reflexão sobre criatividade e automatismo, arte e ciência, humanos e máquinas.

Esta iniciativa integra as Conversas Ciência Conhecimento (Dia C) organizadas em parceria com o Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida, que decorre até Novembro na última quinta-feira do mês.

A entrada é gratuita mediante inscrição prévia em www.cienciaviva.pt.

O Dia C tem como media partner o jornal Público.