Comunicados de Imprensa

[ Imprimir ] [ Listar Comunicados ]
22-04-2014
CanSat 2014: Alunos portugueses à conquista do Espaço

DIVULGAÇÃO IMEDIATA

No próximo fim-de-semana, dias 26 e 27 de Abril, mais de uma centena de alunos do ensino secundário vão participar na competição aeroespacial CanSat, a decorrer no Aeródromo Municipal da Praia de Santa Cruz, em Torres Vedras.

Nesta primeira edição participam 25 equipas de 16 escolas de todo o país, num total de 162 alunos e 21 professores portugueses e uma equipa espanhola. Cada equipa teve de construir um CanSat, dispositivo do tamanho de uma lata de refrigerante com as componentes essenciais de um satélite: antena, bateria e sensores.

Os alunos começam por efectuar um voo de avião com o seu CanSat para detecção de eventuais anomalias. Na fase seguinte, o ambiente da competição reproduz o lançamento real de um satélite. Os CanSat são lançados em foguetões científicos Intruder, que atingem mais de 500km/h, submetendo os dispositivos construídos pelos alunos a acelerações superiores a 10G (10 vezes superior à da gravidade).

A avaliação será feita por um júri presidido pelo físico Manuel Paiva e a equipa vencedora participará na final internacional, na Noruega, no início de Junho. A Força Aérea Portuguesa, parceira do CanSat Portugal, seleccionará ainda um dos dispositivos para integrar o exercício de vigilância marítima Sharp Eye 2014, que utilizará drones desenvolvidos no Centro de Investigação da Academia da Força Aérea.

A competição CanSat é uma iniciativa da Agência Espacial Europeia (ESA), organizada em Portugal pelo Centro AeroEspaço do Aeroclube de Torres Vedras e pela Ciência Viva. Neste evento será feita a apresentação do projecto ESERO – Portugal (European Space Education Resource Office), formalizando a colaboração da Ciência Viva com a Agência Espacial Europeia na área da educação em ciências. Estará presente o Director do Departamento de Educação da ESA.